publicidade

Esportes

Edgar emite ordem de serviço para construção da arquibancada do Gilbertão

no dia 12 de maro de 2019 às 18:13
Atualizada em 14 de maro de 2019 às 16:35
- Prefeito Edgar recebeu o presidente do Linense, Leandro Asato (foto: Emerson Secco)

O vice-presidente da Construtora Ohana, Demiem H.M. Nucci, recebeu ontem das mãos do prefeito Edgar de Souza (PSDB) a autorização para iniciar a construção da arquibancada do estádio dr. Gilberto Siqueira Lopes.  A empresa de São Paulo venceu a licitação ofertando R$ 2.216.119,90. O dinheiro foi liberado pelo governo federal e a contrapartida do município será de R$ 80 mil.

O documento foi assinado também pela secretária municipal de Obras e Serviços Públicos, Valentina Prado de Lorenzo e o secretário municipal de Esportes e Lazer, Luiz Henrique Ramos da Silva. A empresa tem 15 dias para iniciar e dez meses para concluí-la.

Acompanharam o ato, realizado no gabinete do prefeito, o presidente do Linense, Leandro Asato, e o superintendente do clube, José Hugo Gentil Moreira.

O prefeito Edgar ressaltou o trabalho do vice-presidente do Linense, Fernando Beato, e do deputado federal Guilherme Mussi (PP), que conseguiram aprovar o projeto no antigo Ministério do Esporte.

Edgar lembrou que, em 2017, foi entregue o novo gramado, cujo investimento total somou R$ 800 mil, 500 mil de emendas parlamentares dos deputados Guilherme Mussi e Arnaldo Faria de Sá (PP). “Estamos honrando o compromisso com a diretoria que dou o estádio ao município e agora vamos deixá-lo de acordo com as normas da Federação Paulista. Eu sempre falo que o proprietário moral é o clube e o legal é o município (se estivesse no nome do clube não poderia receber dinheiro público)”, destacou.

A arquibancada, composta por elemento armado pré-fabricado em concreto armado e protendido, ocuparará uma área de 1.827,12 m2 e terá capacidade para 2.668 torcedores. Somados aos 7.348 lugares disponíveis hoje, de acordo com o AVCB do Corpo de Bombeiros, a capacidade total do estádio chegará a 10.016. A Federação Paulista exige acima de 10 mil para jogos da A-1 e acima de 8 mil na A-2.

 

© Copyright 2019 - Jornal Debate