publicidade

Cilmar Machado

LOIRA BURRA...

Cilmar Machado no dia 06 de agosto de 2019 às 11:18
DIVULGAÇÃO

Maristela já não aguentava mais tanto bullying. Jovem, 32 anos, dotada de invejável beleza e de corpo escultural, só tinha um defeito aos olhos dos que a importunavam: era loira natural. Seus cabelos cor de mel faziam-na sentir paradoxalmente um misto de alegria e descontentamento para com eles. Onde fosse, sempre havia alguém que troçava dela. Burra não era. Cursava o terceiro ano de engenharia e era uma das primeiras da classe.

            Certa vez, tomou um ônibus que a levaria a São Paulo, onde iria visitar uma amiga. Viagem longa e cansativa. Para aproveitar o tempo, passou a ler um livro técnico sobre a mecânica dos fluidos. No banco, ao seu lado, também viajava Paulo, advogado competente, mas extremamente gozador. Resolveu tirar um sarro sutil na loira e puxou conversa perguntando se ela não gostaria de participar de um jogo com ele. Maristela agradeceu dizendo que preferia continuar lendo. O advogado insistiu dizendo que seria um jogo muito simples: cada um faria uma pergunta ao outro e, se soubesse a resposta, receberia R$ 10,00 do autor da pergunta. Se não soubesse, teria que pagar-lhe igual quantia. A loira recusou mais uma vez. Paulo insistiu e disse que daria uma chance a mais para a loira: se ela errasse a resposta pagaria R$10 e se ele errasse, lhe pagaria R$ 100,00.

A loira resolveu aceitar o desafio, pois percebera que era a única maneira de acabar com a importunação daquele chato. O advogado faz a primeira pergunta:

 - Qual é a distância da Terra até a Lua?

A loira não disse uma palavra, abriu a bolsa e deu uma nota de R$10,00 para o advogado, que pensando estar ao lado de mais uma loira burra, disse ser a vez dela lhe perguntar algo, cuja resposta certamente saberia, antevendo que a pergunta a ser-lhe feita por Maristela só poderia ser fácil demais, dada a cor de seus cabelos.  E mais: cairiam 10 reais para o bolso de Paulo. Ela pergunta ao advogado:

- O que é que sobe o morro com três pernas e desce com quatro?

O advogado olha para ela espantado. Ele pega seu notebook e procura em todas as referências. Depois pega seu celular e o conecta ao notebook, acessa pela internet todos os bancos de dados que conhece. Frustrado, ele envia uma mensagem para todos seus amigos, clientes e fornecedores e ... nada. Depois de uma hora ele se vira para a loira e entrega-lhe uma nota de R$ 100. Ela pega a nota sem dizer nada, coloca-a na bolsa e volta a ler o livro. O advogado não se contém, interpela a loira e diz:

- Mas, afinal, qual é a resposta?

Sem dizer uma só palavra, Maristela pega de novo a bolsa, tira uma nota de R$10, a entrega para o advogado, e volta à leitura ...

cilmarmachado@yahoo.com.br

Notícias: Cilmar Machado
Cilmar Machado no dia 12 de novembro de 2019 às 08:56
Cilmar Machado no dia 05 de novembro de 2019 às 10:00
Cilmar Machado no dia 29 de outubro de 2019 às 08:51
Cilmar Machado no dia 22 de outubro de 2019 às 08:45
Cilmar Machado no dia 08 de outubro de 2019 às 11:35
Cilmar Machado no dia 01 de outubro de 2019 às 09:11
© Copyright 2019 - Jornal Debate