publicidade

Polícia

Vigilante cai no golpe do parente e perde R$ 740,00

no dia 04 de outubro de 2019 às 21:04
Atualizada em 04 de outubro de 2019 às 21:07
- Plantão Policial (foto: Emerson Secco)

Um vigilante de 51 anos é mais uma vítima do golpe do parente cujo carro quebrou e não tem dinheiro para pagar o guincho. Ele perdeu R$ 740,00, porque acreditou que pessoa ao telefone realmente era seu tio.

O vigilante procurou à Central de Polícia Judiciária (CPJ) para registrar a ocorrência e contou que, na manhã de quinta-feira, sua mãe recebeu um telefonema de uma pessoa que alegava ser o cunhado dela. Essa pessoa dizia que estava na estrada, com o carro quebrado, e precisava de uma certa quantia em dinheiro para pagar o guincho. Como sua mãe não tinha o dinheiro, passou o telefonema para ele.

O vigilante disse que, ao iniciar a conversa, acreditou realmente que era o seu tio, tão grande a semelhança da voz. Como tinha R$ 750,00 em mãos, resolveu ajudar o tio. Foi até uma Casa Lotérica e fez o depósito. Instantes antes dessa ligação, seu irmão também havia falado com o estelionatário e acreditado que fosse o tio. Ele falou também com o suposto dono da oficina, que a ele que só mandaria o guincho depois que o dinheiro fosse depositasse.

© Copyright 2019 - Jornal Debate