publicidade

Geral

Conselheiros tutelares tomam posse, quatro foram reconduzidos

no dia 10 de janeiro de 2020 às 21:10
Atualizada em 10 de janeiro de 2020 às 21:21
- Edson Gabriel, presidente do CMDCA, e os conselheiros (foto: Emerson Secco)

Em solenidade realizada na Prefeitura, o presidente do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente de Lins), Édson Gabriel, deu posse ontem aos cinco conselheiros tutelares titulares eleitos no dia 6 de outubro do ano passado. Houve apenas uma renovação entre os titulares, com a eleição do professor de educação física, Raphael Germano.

Pela terceira vez, João Barbosa foi o candidato mais votado com 632 votos, seguido por Juliana Caldeira (447 votos), Raphael Germano (442 votos), Eliane Betti (415) e Selma Moraes Peres (399).

A professora Selma Moraes Peres, de 68 anos, é uma das conselheiras mais experientes da região e a mais antiga de Lins. Ela mostrou-se preocupara com o aumento dos casos de abuso sexual. “Têm crescido assustadoramente. A gente até pensa e avalia assim: cresceu assustadoramente ou estava assustadoramente escondido e as pessoas não falavam?”, comentou. 

© Copyright 2020 - Jornal Debate