publicidade

Esportes

Jovem árbitro de Lins é suspenso pela Federação após quatro erros capitais no jogo do São Paulo

no dia 04 de fevereiro de 2020 às 14:53
Atualizada em 04 de fevereiro de 2020 às 14:57
- Lugano critica sorriso injustificável do árbitro ao final do primeiro tempo (foto: reprodução Premiere)

O árbitro Flávio Roberto Mineiro Ribeiro, 24 anos, e os assistentes Vitor Carmona Metestaine, 38 anos, e Enderson Emanoel Turbiani da Silva, 31 anos, foram suspensos pela Federação Paulista de Futebol, em razão de cometerem “quatro erros capitais” no jogo do São Paulo com o Novorizontino, no Morumbi, que terminou empatado por 1 a 1.

Flávio deixou de marcar dois pênaltis e validou os impedimentos assinalados pelo auxiliar que culminaram em gols de Alexandre Pato - nas imagens, é possível ver que o atacante não estava em posição irregular.

Flávio apita o seu primeiro Paulistão. Ele havia arbitrado antes dois jogos: Ponte Preta 2 x 3 Santo André e Água Santa 0 x 2 Grêmio Novorizontino. Também havia feito um jogo na A-2 e atuado na Copa São Paulo.

Nota da Federação Paulista

A Comissão de Arbitragem da Federação Paulista de Futebol vem a público se pronunciar sobre a arbitragem do jogo São Paulo x Novorizontino, ocorrido nesta segunda-feira.

1-) Foram identificados quatro erros capitais na arbitragem da partida: dois gols mal anulados e dois pênaltis não marcados, todos a favor do São Paulo Futebol Clube;

2-) Prontamente, após o jogo, a Comissão de Arbitragem conversou com a equipe do jogo, que admitiu os erros e se desculpou por eles;

3-) Nesta manhã, após reunião, esta Comissão decidiu afastar os membros da equipe de arbitragem da partida por considerar que os erros cometidos são inaceitáveis. Todos os membros da equipe passarão por reciclagem, com apoio psicológico, técnico e físico;

4-) Aos torcedores, jogadores, comissões técnicas e dirigentes dos clubes, lamentamos os erros cometidos por esses profissionais. Reiteramos que a Comissão de Arbitragem da FPF trabalha para que as partidas ocorram com a menor interferência da arbitragem, apenas para mediar um grande espetáculo: o futebol protagonizado por seus atletas. Erros eventuais acontecem com todos. Mas erros crassos não são admitidos e deverão ser corrigidos.

© Copyright 2020 - Jornal Debate