publicidade

Geral

Câmara suspende todas as atividades durante a quarentena, inclusive as sessões

no dia 25 de maro de 2020 às 21:30
- Plenário vazio e vereadores distantes (foto: Ricardo Rodrigues/Câmara)

Depois de ter restringido o acesso do público, o presidente da Câmara, Neto Danzi, ampliou ainda mais as medidas visando atender a quarentena estabelecida em todo o Estado de São Paulo. Desde anteontem, a Câmara está com suas atividades paralisadas e as sessões ordinárias das segundas-feiras, suspensas.

Na última sessão antes da parada, a Câmara aprovou o PL 27/20, do Executivo, que abre crédito de R$ 2 milhões destinado a cobrir despesas de indenizações e restituições dos funcionários da ABBC. A Organização Social (OS) foi responsável pelo gerenciamento da rede municipal de saúde até 19 de dezembro, quando teve o contrato interrompido.

Outro projeto do Executivo aprovado pelos vereadores permite ao município contrair empréstimo junto à Agência Desenvolve-SP. Há duas semanas, o prefeito assinou na capital, um convênio que permite captar cerca de R$ 4 milhões.

© Copyright 2020 - Jornal Debate