publicidade

Cilmar Machado

NÃO QUERO MORRER! ...

Cilmar Machado no dia 03 de novembro de 2020 às 09:55

Ontem, comemoramos o Dia de Finados! Ocasião em que, mesmo não querendo, somos levados a meditar sobre a morte. Não quero morrer! Esse é o grito da imensa maioria dos seres humanos. Esse grito não é somente de quem é jovem. É o desejo eterno da vida, presente em todos nós. É o desejo mais profundo da criatura humana.

            Em contrapartida, há os que gritam: quero morrer! Por que muitos, em plena juventude, desejam a morte? Por que afinal alguém dá fim à sua existência?

            É o mistério da vida! Mas, sabemos lá se essa busca pela morte não esconde um imenso desejo de viver, de buscar uma vida melhor? Não seria a busca da morte também uma busca pela vida? Não estou aprovando o suicídio. Estou apenas procurando interpretar o coração humano, pois sei que o desejo profundo de todos é viver. E quando as situações pessoais, as situações ambientais, as situações dos problemas da vida de todos os tipos, parecem esmagar a vida sufocando-a, muita gente busca tão insensata solução através de uma fuga dramática e até impensada da vida.

            Não quero morrer! É por causa desse desejo que todos buscam soluções para viver: médicos, remédios, benzedeiras, pais de santo, bençãos e simpatias. São tentativas em busca da solução para sempre de um problema, de uma situação.

            Não quero morrer! É o grito da pessoa materialista que, não acreditando na vida que continua pós-morte, se prende a todos os valores materiais para poder sobreviver. É o grito daquele que não acredita em Deus, querendo substituir o Criador.

            Ontem, vi gente levando flores no cemitério. Vi gente chorando seus entes queridos. Vi gente, por causa dos mortos, meditar sobre sua vida. Tudo isso acontece. Mas, em meio a tudo isso, percebo algo mais. Todos nós desejamos viver. Todos caminhamos para uma mesma direção, mesmo sem termos certeza disso. Todos nós buscamos a vida em meio às mortes de cada dia.

            E eu, como não poderia deixar de ser, também deixei surgir um grito em meu coração: não quero deixar morrer minhas ideias, meus sentimentos, meus ideais, minha vontade de ser útil. A cada dia que passa mais creio que a vida jamais morrerá em cada um de nós ...

 

Notícias: Cilmar Machado
Cilmar Machado no dia 12 de janeiro de 2021 às 09:21
Cilmar Machado no dia 05 de janeiro de 2021 às 09:12
Cilmar Machado no dia 29 de dezembro de 2020 às 09:23
Cilmar Machado no dia 22 de dezembro de 2020 às 09:35
Cilmar Machado no dia 15 de dezembro de 2020 às 10:04
Cilmar Machado no dia 08 de dezembro de 2020 às 09:06
© Copyright 2021 - Jornal Debate